Após diversas cobranças do deputado Jorge Vianna, vacina é estendida para professores da rede particular

47

Por Anna Araújo

Começou hoje (29/06) a vacinação contra Covid-19 para os professores e profissionais da educação da rede privada do Distrito Federal. Até então a vacina só havia sido ofertada para os professores da rede pública, que tem previsão de volta às aulas somente em agosto, em contrapartida os professores das escolas particulares já retornaram ao trabalho desde setembro de 2020.

Diante desta diferenciação o deputado distrital Jorge Vianna se pronunciou diversas vezes solicitando a inclusão dos professores das escolas particulares juntamente com os professores da rede pública de ensino, tanto que culminou em uma audiência pública realizada no dia 24/06, onde foi debatida esta questão da vacinação com autoridades do Ministério Público do Trabalho, da Secretaria de Educação, de Saúde, Sindicatos e Associações.

“Não era justo com estes professores, que já estavam em sala de aula desde o ano passado, muitas vezes não por vontade própria, mas por necessidade, ficassem fora da vacinação. Professor é professor, seja ele de escola pública ou privada”, disse o parlamentar que cobrou também que os profissionais que trabalham nas escolas (porteiros, limpeza, administrativo) pudessem ser inclusos na vacinação. “Muitas vezes estes profissionais são esquecidos, porém eles fazem parte do ambiente escolar e precisam estar imunizados também”, completa.

Para acompanhar o primeiro dia de vacinação, Jorge Vianna esteve na UBS 1 do Guará, onde conversou com os profissionais de saúde e com os professores que aguardavam na fila. “Saber que estes professores vão a partir de hoje poder voltar para a sala de aula com menos medo, já me deixa mais tranquilo e feliz por ter atuado para isso acontecer”.

Segundo o presidente do Sindicato dos Professores em Estabelecimentos Particulares de Ensino do DF – SINPROEP, Rodrigo Pereira, que também acompanhava a vacinação na UBS, o empenho do deputado Jorge Vianna foi fundamental para que chegassem a este momento da vacinação. “Quero agradecer em nome dos professores toda a ajuda que o deputado vem nos dando desde o ano passado como membro da Comissão de Educação, se mostrando um deputado defensor da categoria”, diz.

A meta da Secretaria de Saúde é que sejam distribuídas 8 mil doses das vacinas Coronavac e Pfizer aos professores e profissionais de educação das escolas particulares do DF.