Jorge Vianna questiona GDF por dividir pagamento da última parcela da Gata em três vezes

1265

Para deputado, proposta do GDF de parcelar Gata em três vezes, encaminhada para apreciação da CLDF, representa ‘tapa na cara’ de servidor de nível médio

Por Kleber Karpov

O deputado distrital, Jorge Vianna (Podemos), utilizou a tribuna da Câmara Legislativa do DF (CLDF), nesta quarta-feira (4), para questionar o PL encaminhado à CLDF, que autoriza o pagamento da Gratificação de Atividade Técnico Administrativo (GATA). Para o deputado, a proposta do GDF de dividir, em três vezes, o pagamento da incorporação última parcela é uma demonstração de desrespeito, para com os servidores de nível médio da Secretaria de Estado de Saúde do DF (SES-DF).

Vianna lembrou que, intermediou junto ao Executivo e, obteve o compromisso do governador do DF, Ibaneis Rocha (MDB), de realizar o pagamento no início desse ano. Porém, para o deputado, parcelar em três vezes, uma dívida já parcelada por duas ocasiões anteriores, representa um ‘tapa na cara’ dos servidores de nível médio da SES-DF.

“Nós tínhamos uma conversa inicial do governo para que fizesse o compromisso de campanha em pagar essa última parcela da gratificação. Mas para surpresa de todos, inclusive a minha, vem o Projeto financiando por três vezes. Quero lembrar essa Casa, que essa gratificação já foi financiada por duas vezes. A primeira financiada em três parcelas. Na última parcela, financiada novamente em três parcelas, e agora, nessa última, está sendo financiada em mais três parcelas.”, disse Vianna.

O deputado lembrou ainda que os servidores de nível médio lutam, há mais de 10 anos, para tentar garantir a incorporação da GATA, quando todos os demais além de receberem as devidas gratificações, ainda foram contemplados com reajustes.

“Podem achar que não, que é melhor isso que nada, que é a única categoria que está se beneficiando. Como assim? De todas as categorias do GDF, fomos os mais preteridos. E no momento, que estamos aqui, nós apoiamos o governador e fizemos tudo para que ele fizesse um bom governo, vêm com uma proposta de três parcelas? Então peço em nome de todos os servidores, que venha um projeto melhor para a gente votar.”, desabafou Vianna.

Tapa na cara do servidor

Para o deputado, tal proposta é considerada “um grande desrespeito e desprestígio, principalmente a categoria de nível médio da saúde, uma vez que todos, de nível superior, já foram contemplados com essa gratificação”. Na visão do Vianna tal proposta representa um tapa na cara desses profissionais de saúde.

“Nós estamos ainda na luta pela última parcela da Gata, fora os reajustes que nós queríamos e não tivemos. Foi uma injustiça, por todos esses anos, e não acredito que o governador vai fazer essa injustiça com os servidores, pois foi promessa de campanha. Nós estivemos por três vezes, conversando sobre essa incorporação e agora financiar novamente isso é um ‘tapa na cara’ dos servidores do nível médio da saúde.”.

Veja a proposta encaminhada pelo GDF

Confira a fala do deputado